quarta-feira, 28 de novembro de 2012

GUIA DE ESTUDOS PARA A RECUPERAÇÃO - 8ª SÉRIE

1.      A velha ordem mundial é caracterizada pela Guerra Fria, pela bipolaridade e pela divisão dos países do globo em 1º, 2º e 3º Mundo.
A nova ordem mundial caracteriza-se pela ordem multipolar e pela divisão dos países do globo em Países do Norte e Países do Sul.
Nessa nova ordem mundial surgem os blocos econômicos, caracterizados pela união de países e acordos econômicos entre eles.
Alguns blocos econômicos: União Europeia (UE), Acordo de Livre-comércio da América do Norte (NAFTA), Cooperação Econômica da Ásia e do Pacífico (APEC), Mercado Comum do Sul (MERCOSUL), Pacto Andino, Comunidade para o Desenvolvimento da África do Sul (SADC), Mercado Comum Centro Americano (MCCA), Comunidade dos Estados Independentes (CEI).
A União Europeia é o bloco econômico mais antigo, há a livre circulação de pessoas e a moeda única adotada por alguns países membros.
O NAFTA é um bloco econômico constituído pelo México, Canadá e
Estados Unidos.
O Mercosul é um bloco econômico constituído pelo Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai, Venezuela, Bolívia e Chile. Esses dois últimos países participam apenas como associados.
A ALCA (Área de Livre-Comércio das Américas) é um bloco econômico que ainda não se efetivou; proposto pelos Estados Unidos seria constituído por todos os países do continente americano.
A globalização constitui-se na integração econômica, cultural e social dos países do mundo.
Pontos positivos da globalização: a circulação de pessoas, informações, capital e produtos no espaço geográfico.
Pontos negativos da globalização: a exclusão social, a circulação de doenças contagiosas, a homogeneização cultural dos espaços, o aumento do consumo etc.

2.     O mundo encontra-se regionalizado em Países do Norte (desenvolvidos) e Países do Sul (subdesenvolvidos), seguindo como base o critério econômico. A linha divisória para a regionalização do mundo não obedece ao marco divisório da Linha do Equador, pois esta divide o mundo geograficamente em Hemisfério Norte e Hemisfério Sul. Como a divisão do mundo em Países do Norte e Países do Sul é uma divisão econômica, os países (ricos e pobres) podem estar localizados geograficamente nos hemisférios norte ou sul do planeta.
São países do Norte: Estados Unidos, Inglaterra, Canadá, Japão, Alemanha, Rússia, Austrália, etc.
São países do Sul: Brasil, México, China, Índia, África do Sul, etc.

3.     A América Anglo-Saxônica é uma regionalização que tem como base os aspectos econômicos e culturais. Os países da América Anglo-Saxônica são: Canadá e Estados Unidos.
A América do Norte é uma regionalização que tem como base os aspectos físicos do continente. Os países da América do Norte são: Canadá, Estados Unidos, México e Groenlândia.
A principal diferença entre a América Anglo-Saxônica e a América do Norte são os critérios estabelecidos para ambas as regionalizações.
Os Estados Unidos, maior economia do planeta, é considerado um país imperialista, pois domina o mundo cultural, política e economicamente.

4.     Os governantes europeus têm se preocupado com a composição da população do continente, pois há baixa natalidade e a população está envelhecendo. Dessa forma poderá haver uma escassez de população jovem para ingressar no mercado de trabalho e aumento da população idosa e consequentemente gastos com a previdência social.
Entre os séculos XV e XIX, a Europa foi um continente de emigração (saída). Atualmente, a Europa é um continente de imigrantes (entrada). Um dos principais problemas relacionados à imigração são os movimentos xenofóbicos promovidos por grupos neonazistas.
Até a Segunda Guerra Mundial, o continente europeu manteve a hegemonia econômica do mundo. O processo de descolonização e a participação de alguns países europeus nas duas guerras mundiais foram os principais fatores que abalaram a hegemonia econômica desse continente.
A partir de então os Estados Unidos emergiram como a maior potência econômica mundial. Para reagir diante desse quadro, alguns países europeus decidiram integrar suas economias através da formação de um Bloco Econômico.

5.     A União Europeia é um Bloco Econômico onde um dos acordos é a adoção de uma única moeda entre os países membros: o euro. Os únicos países que não adotaram o euro como moeda de troca foram: Reino Unido, Suécia e Dinamarca.

6.     Com o fim da Guerra Fria a URSS se desmembrou, surgindo daí 15 repúblicas independentes: Estônia, Letônia, Lituânia, Belarus, Moldávia, Ucrânia, Geórgia, Armênia, Azerbaijão, Casaquistão, Usbequistão, Turcomequistão, Quirguízia, Tadjiquistão, Rússia.
      A Rússia lidera o BRICS (grupo dos países emergentes) junto com mais quatro países: Brasil, Índia, China e África do Sul.
      Os países dos Bálcãs localizam-se a sudeste da Europa. São denominados dessa forma, pois o termo Bálcãs de origem turca que significa montanha faz referência à cordilheira dos Bálcãs, que se estende do leste da Sérvia até ao mar Negro.
     Os países do Bálcãs são: Eslovênia, Croácia, Bósnia-Herzegovina, Sérvia, Montenegro, Kosovo, Macedônia, Romênia, Bulgária, Albânia.
     A Rússia, cujo nome oficial é Federação Russa, tem como capital a cidade de Moscou, possui 11 fusos horários devido a sua grande extensão territorial (maior país do mundo) e integra a CEI (Comunidade dos Estados Independentes).
     Por conta da sua grande extensão territorial ocupa terras na Ásia e na Europa. A parte europeia da Rússia localiza-se a oeste dos montes Urais e a parte asiática localiza-se a leste dos montes Urais.

7.     O Japão é um arquipélago localizado na Ásia Oriental, no Oceano Pacífico, cuja capital é a cidade de Tóquio e as suas principais ilhas são: Honshu, Hokkaido, Kyushu e Shikoku.

8.     A Oceania é um continente localizado no Hemisfério Sul do planeta, no Oceano Pacífico, possui um conjunto de ilhas entre as quais se destacam a Melanésia, a Micronésia e a Polinésia. Os principais países desse continente são: Austrália, Nova Zelândia e Papua Nova Guiné.
A Oceania foi colonizada pelos ingleses.
GUIA DE ESTUDOS PARA A RECUPERAÇÃO - 7ª SÉRIE

1.     Os planisférios podem ser representados orientados tanto para a direção norte, quanto para a direção sul. Como a Terra é elíptica, não existe uma orientação definida para a representação do planeta.

2.     A teoria da Deriva dos Continentes, proposta em 1912 pelo geólogo alemão Alfred Wegener, afirma que há aproximadamente 200 milhões de anos havia na Terra apenas um grande continente, denominado Pangeia. Devido a forças internas, como o tectonismo, essa enorme superfície foi se dividindo até chegar à disposição em que se encontram os continentes atualmente.
As placas tectônicas são grandes porções da crosta terrestre separadas por falhas ou fraturas profundas, que se movimentam sobre o manto.
De acordo às características culturais e históricas a Terra está dividida em 5 continentes: América, África, Europa, Ásia, Oceania e Antártida.

3.     A palavra nação parte sempre do princípio de união entre as pessoas, que pertencem a um determinado grupo e compartilham desse sentimento de pertencimento. São grupos que têm uma identidade comum.
Em geral, as nações estão ligadas a um território e a um Estado, formados historicamente. Porém, nem toda nação tem um Estado e um território.
O Brasil tem seu Estado constituído, o território delimitado e uma nação, formada por sua população, com características comuns, mas também com diversidades próprias dos grupos que a compõem.

4.     De acordo com o IDH os países podem ser classificados dentro de uma variação que vai de 0 a 1.
Quanto mais próximo de zero, significa que o país enfrenta maior quantidade de problemas relacionados à qualidade de vida da população; quanto mais próximo de 1, entende-se que a população apresenta melhores condições de vida.
De acordo com o IDH, os países são classificados em 3 categorias: desenvolvimento humano elevado: 0,800 a 1; desenvolvimento humano médio: 0,500 a 0,799; desenvolvimento humano baixo: menor que 0,500.
O IDH do Brasil em 2011 foi 0,718. Nosso país fica classificado como país com Desenvolvimento Humano Médio.
Na época da Guerra Fria o mundo era dividido em 1º, 2º e 3º Mundo.
O Brasil pertencia ao bloco do 3º Mundo.

5.     São organizações político-econômicas:
1. Grupo dos Oito (G8) - Alemanha, França, Estados Unidos, Reino Unido, Japão e Itália, Canadá e Rússia.
2. Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep);
3. Fundo Monetário Internacional (FMI);
4. Organização Mundial do Comércio (OMC);
5. Banco Mundial;
6. Comunidade Britânica das Nações.

6.     São características do sistema Capitalista:
·         A obtenção do lucro;
·         Utilização de mão-de-obra assalariada;
·      Utilização de moedas, substituindo o sistema de trocas;
·         Existência de um sistema bancário;
·         Propriedade privada dos meios de produção;
·         Divisão da sociedade em classes (burguesia e proletariado).
Atualmente, existe o chamado grupo dos países emergentes ou de industrialização tardia, que engloba alguns países do antigo Terceiro Mundo que apresentam Índices de Desenvolvimento Humano intermediário, um razoável parque industrial e economia dinâmica.
É o caso do México, Coreia do Sul, Turquia, África do Sul e Malásia, por exemplo.
Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, por suas importâncias geopolíticas, estão na liderança desse grupo e são também conhecidos por BRICS, as letras iniciais de cada uma dessas nações.
7.     São países localizados na América Latina: México, Guatemala, Belize, Honduras, Nicarágua, El salvador, Costa Rica, Panamá, Cuba, Jamaica, Bahamas, Haiti, República Dominicana, Porto Rico, Colômbia, Venezuela, Guiana, Suriname, Guiana Francesa, Equador, Peru, Bolívia, Brasil, Paraguai, Uruguai, Chile, Argentina.
Os países da América Central são divididos em países continentais e países insulares (ilhas do Caribe).

8.     A África é considerada o berço da humanidade, pois os mais antigos fósseis de hominídeos foram encontrados nesse continente há cerca de 5 milhões de anos.
Esse continente é dividido em dois complexos regionais: a África Setentrional (onde a maior parte da população é árabe) e a África Subsaariana (onde está concentrada a maior parte dos problemas sociais e econômicos do continente).
Na África do Sul, ocorreu o apartheid, uma política de segregação racial, onde os negros não podiam adquirir terras, votar e nem circular livremente pelo território, vivendo em zonas residenciais segregadas.

9.     São países localizados no Oriente Médio: Turquia, Chipre, Líbano, Síria, Israel, Jordânia, Iraque, Irã, Afeganistão, Kuwait, Barein, Catar, Emirados Árabes Unidos, Arábia saudita, Omã, Iêmen.
O árabe é o idioma predominante no Oriente Médio.
A religião predominante é o islamismo.
O Oriente Médio está regionalizado em Oriente Próximo e Golfo Pérsico.
Os judeus e palestinos são povos que se encontram historicamente em conflitos por disputas territoriais e religiosas.

10.           Paquistão, Nepal, Butão, Bangladesh, Sri Lanka e Maldivas são países vizinhos da Índia.
O IDH da Índia apresenta-se como baixo.
A religião predominante na Índia é o hinduísmo.

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

OS BOLAS CHEIAS DA III UNIDADE

 

5ª A - Jéssica Pereira - 10.0
5ª A - Ludmila Oliveira - 10.0
5ª A - Raiane Nascimento - 10.0
5ª A - Rebeca Cardoso - 10.0
5ª A - William Santos - 10.0
7ª D - Evelyn Lemos - 10.0
7ª D - Larissa Ferreira - 10.0
7ª E - Tiago Santana - 10.0
7ª E - Yasmin Sales - 10.0
7ª F - Ester Oliveira - 9.8
7ª G - Laís Gomes - 10.0
7ª G - Stefani Aragão - 10.0
8ª B - Alef Jordan - 10.0
8ª B - Diego Moura - 10.0
8ª C - Alana Pereira - 10.0
8ª C - Ana Caroline Santos - 10.0
8ª C - Brenda Rocha - 10.0
8ª C - Carolaine Santos - 10.0
8ª C - Ivo Neto - 10.0
8ª C - Laís Pedreira - 10.0
8ª C - Victória Caroline - 10.0
8ª C - Wesley Cordeiro - 10.0
8ª D - Vanessa Valverde - 8.5
8ª E - Amanda Samara - 10.0
8ª E - Erickson Borges - 10.0
8ª E - Stephanie Santana - 10.0
8ª F - Mateus Santos - 9.7

PARABÉNS A TODOS!


quarta-feira, 17 de outubro de 2012


  N° Edição:  2188 |  14.Out.11 - 21:00 |  Atualizado em 18.Out.11 - 18:42

Buraco sobre o Polo Norte
Uma nova perda na camada de ozônio, agora na região acima do Ártico, mostra como a atividade humana exerce influência direta sobre o clima do planeta. André Julião

A maior bandeira ambiental dos anos 1980 está de volta às manchetes. Mas o buraco na camada de ozônio sobre o Polo Sul não é mais o problema. Uma nova perda do gás, essencial para proteger a Terra dos raios ultravioleta, ocorre agora sobre o Ártico, no polo oposto do planeta. O fenômeno foi detectado pela primeira vez em 1985 e, quatro anos depois, um acordo global proibiu a fabricação de produtos que causassem danos ao escudo gasoso. Este ano, porém, os cientistas identificaram um novo buraco, consequência direta dos poluentes emitidos antes do tratado – conhecido como Protocolo de Montreal e assinado por 191 países.

Um frio intenso na atmosfera superior do Ártico no último inverno ativou produtos químicos que estão presentes no ar e danificam a camada de ozônio, como o clorofluorcarbono (CFC). Eles produziram um buraco de tamanho sem precedentes na região, pouco menor que as áreas dos Estados do Amazonas e Pará juntos. O estudo foi publicado na revista especializada “Nature”.

Embora a perda de ozônio no Norte seja considerada temporária – e bem inferior à perda que ocorre na Antártica, no Polo Sul – cientistas descrevem o evento como um exemplo notável de como anomalias repentinas podem ocorrer, como resultado direto da atividade humana de anos atrás. E isso graças ao CFC encontrado em sprays, motores de geladeira e isopores, além de outros elementos presentes em pesticidas, por exemplo.

Desde o ano 2000, as concentrações desses poluentes declinaram na atmosfera, mas não mudaram muito em relação à época em que o primeiro buraco na camada de ozônio foi identificado. “A causa principal desse fenômeno são os elementos químicos emitidos ao longo do século XX”, afirmou Michelle L. Santee, do Jet Propulsion Laboratory, da Nasa, uma das autoras do estudo. “Eles têm uma vida longa, podem levar décadas para desaparecer. Essa nova zona é um lembrete de que as atividades humanas podem ter um impacto muito significante e, algumas vezes, consequências não intencionais na atmosfera”, diz a pesquisadora.


terça-feira, 11 de setembro de 2012


DIÁRIO DE UMA CRIANÇA QUE NÃO CHEGOU A NASCER

“05 de outubro: Hoje iniciou minha vida. Papai e mamãe ainda não sabem. Sou menor que uma cabeça de alfinete e, mesmo assim, já sou um ser independente. Todas as minhas características físicas e espirituais já estão determinadas. Terei, por exemplo, os olhos do meu pai e os cabelos louros e ondulados da minha mãe. Também isto está decidido: sou menina.

19 de outubro: Meus primeiros vasos sangüíneos, minhas veias, são formadas. Como meus órgãos ainda não estão completos, mamãe ainda precisa sustentar-me com seu metabolismo. Quando tiver nascido, somente vou precisar de leite por algum tempo.

23 de outubro: Minha boca está se formando. Daqui a um ano já vou sorrir quando meus pais se debruçarem sobre meu berço. Minha primeira palavra será “mamãe”... P.S.: A afirmação de que ainda não sou uma pessoa, mas somente parte do corpo de minha mãe, é realmente ridícula! Não tenho, nem ao menos, o mesmo grupo sangüíneo dela.

25 de outubro: Meu coração começou a bater. Ele executará sua tarefa, sem descanso, até ao final da minha vida. É uma grande maravilha!!

02 de novembro: Meus braços e minhas pernas começam a crescer; mas até ficarem totalmente completos e utilizáveis, ainda vai passar um bom tempo, mesmo após o meu nascimento.

12 de novembro: Agora começaram a nascer os meus dedos. Com eles vou conquistar meu mundo e firmar amizade com outras pessoas.

20 de novembro: Hoje o médico disse à minha mãe que ela me leva debaixo do seu coração. Como deve ser grande sua alegria!

25 de novembro: Todos os meus órgãos estão completos. Fiquei muito maior.

10 de dezembro: Estão nascendo meus cabelos e minhas sobrancelhas. Como minha mãe ficará feliz com sua filhinha loura...!

13 de dezembro: Logo vou poder ver. Meus olhos somente estão fechados porque minhas pálpebras estão presas. Luz, cores, flores - tudo deve ser maravilhoso! O que mais me deixa feliz é que vou ver minha mãe... Se não demorasse tanto! Ainda faltam mais de 6 meses...!

24 de dezembro: Meu coração está completo. Dizem que há bebês que já nascem com o coração doente. Então são feitos enormes esforços para salvá-los, por meio de operações. Graças a Deus, meu coração é perfeito, vou ser muito forte. Todos vão ficar felizes.

28 de dezembro: Hoje minha mãe me matou!”

(Autor desconhecido)

terça-feira, 31 de julho de 2012

O QUE É LIXO?


LIXO É POLUIÇÃO DO MEIO AMBIENTE
LIXO É O QUE MATA A GENTE
LIXO FAZ MAL AO NOSSO PLANETA
PIOR QUE A EXTINÇÃO DOS DINOSSAUROS A PARTIR DE UM COMETA
LIXO ESTRAGA O CORAÇÃO
E ELIMINA A POPULAÇÃO
LIXO BOTA TUDO A PERDER
AFETA A MIM E A VOCÊ
LIXO NÃO É UMA COISA BOA
PRINCIPALMENTE SE VOCÊ JOGA À TOA
LIXO NÃO É PARA BRINCAR
MAS SE RECICLAR, OBJETO SURGIRÁ
LIXO TEM QUE SER CUIDADO
E PARA FAZER ISSO TEM QUE SER RECICLADO.




GIVANILSON SALES REIS

ALUNO DO 6º ANO
ESCOLA EST. PROFª ARMANDINA MARQUES
OS BOLAS CHEIAS DA II UNIDADE

5ª A - JÉSSICA PEREIRA - 9.9

7ª D - ERIC SILVA - 7.8

7ª D - EVELYN LEMOS - 7.8

7ª D - NAINARA ANDRADE - 7.8

7ª E - YASMIN SALES - 8.3

7ª F - BIANCA COSTA - 7.5

7ª G - LAÍS GOMES - 7.8

8ª B - QUEISSON RUAN - 8.6

8ª C - CAROLAINE SANTOS - 9.5

8ª C - IVO NETO - 9.5

8ª D - GABRIEL SILVEIRA - 7.2

8ª D - MARIMAR OLIVEIRA - 7.2

8ª E - STEPHANIE SANTANA - 7.4

8ª F - JOELMA SANTOS - 7.0 

sábado, 7 de julho de 2012

PÓLOS GEOGRÁFICOS E PÓLOS MAGNÉTICOS



O Sol é a estrela do nosso sistema solar. Sabemos que ele emite milhões de partículas por segundo para todas as direções do espaço. Percebemos essas radiações eletromagnéticas, também chamadas de ventos solares, em forma de calor e luz.
A quantidade de radiação que chega até a Terra é menor por conta da proteção exercida pelo campo magnético terrestre. O campo magnético da Terra interage com as radiações eletromagnéticas fazendo com que elas sejam freadas e também atua desviando-as de sua trajetória inicial. Por esse motivo é que podemos dizer que a Terra se comporta como um ímã gigante.
O campo magnético da Terra é como o campo magnético de um gigantesco ímã em forma de barra, que atravessa desde o Pólo Sul até o Pólo Norte do planeta. Mas é importante lembrar que o Pólo Norte Magnético da Terra tem uma inclinação de 11,5° em relação ao Pólo Norte Geográfico. Ou seja, os pólos magnéticos não coincidem com os pólos geográficos.Os Pólos Geográficos são os pontos onde os meridianos se cruzam. Meridianos são as linhas usadas para fazer a localização no globo terrestre. Os Pólos Geográficos são fixos e representam aproximadamente os pontos onde o eixo de rotação da Terra passa pela superfície.
Pólos Magnéticos são os locais de maior intensidade da força magnética gerada pela Terra na sua crosta. O interior quente do nosso planeta é feito principalmente de ferro derretido misturado a outros materiais. O deslocamento e o atrito desses fluidos produzem correntes elétricas. Essas correntes geram campos magnéticos que novamente produzem correntes elétricas.
As posições dos pólos magnéticos variam com o tempo. A presença de certos minerais no solo também podem alterar essa indicação.
Além de serem importantes para a localização, os Pólos também são importantes porque atraem partículas carregadas vindas do Sol. Esse efeito é responsável pelo fenômeno conhecido como Aurora Boreal.

quarta-feira, 27 de junho de 2012

PARAGUAI SERÁ SUSPENSO DO MERCOSUL E DA UNASUL



O Brasil e as demais nações da América do Sul decidiram suspender o Paraguai do Mercosul (Mercado Comum do Sul) e da Unasul (União de Nações Sul-Americanas) até as eleições presidenciais previstas para abril do ano que vem.
A ideia, costurada neste fim de semana, é uma resposta ao impeachment-relâmpago do presidente Fernando Lugo ocorrido na sexta-feira (22). Os vizinhos querem desencorajar processos semelhantes em outros parceiros da região.
O encontro que decidirá o destino imediato do Paraguai está marcado para a próxima sexta, durante reunião do Mercosul, na Argentina. O Paraguai deve ficar de fora, embora seu novo chanceler já tenha dito que quer ir e explicar a crise em seu país.
 Não se sabe quais efeitos do isolamento paraguaio do Mercosul e da Unasul, mas espera-se que a suspensão pressione o atual governo.

terça-feira, 26 de junho de 2012

PRESIDENTE DEPOSTO DO PARAGUAI DESISTE DE IR À CÚPULA DO MERCOSUL


O presidente destituído do Paraguai, Fernando Lugo, disse nesta terça-feira (26) que desistiu de participar, na próxima sexta, da Cúpula do Mercosul da qual o Paraguai foi excluído após seu impeachment.
"Não quero que minha presença influa no que meus companheiros vão deliberar", disse Lugo à Radio 10, de Buenos Aires. Ele confirmou as informações à agência argentina Telám.
Lugo afirmou que vai acompanhar "atentamente" as decisões da reunião em Mendoza.
O presidente deposto afirmou que espera que o Mercosul "diga algo" sobre o que ocorreu no Paraguai.
Ele disse que, se alguma coisa parecida ocorresse em outro país do bloco, ele próprio teria votado pela expulsão.
Mais cedo, em entrevista à agência Reuters, Lugo disse que considera "um milagre" voltar ao poder.
 Federico Franco assumiu o governo do Paraguai na sexta-feira (22), após o impeachment de Fernando Lugo. O processo contra Lugo foi iniciado por conta do conflito agrário que terminou com 17 mortos no interior do país.
A oposição acusou Lugo de ter agido mal no caso e de estar governando de maneira "imprópria, negligente e irresponsável".

segunda-feira, 25 de junho de 2012

ORVALHO



O orvalho, sereno ou rocio é um fenômeno físico no qual a umidade do ar precipita por condensação na forma de gotas, pela diminuição brusca da temperatura ou em contato com superfícies frias. É o processo contrário ao da evaporação. Com uma queda de temperatura no ambiente, ocorre uma condensação do excesso de vapor de água.
A formação do sereno é muito comum nas noites de tempo tranqüilo e calmo, quando a temperatura baixa do solo afeta o ar, fazendo o vapor atingir o ponto de saturação.


FOTÓGRAFO CAPTURA GOTAS DE ORVALHO COBRINDO MOSCA

O fotógrafo amador Nicolas Reusens conseguiu capturar o momento em que uma mosca fica totalmente coberta por gotículas de orvalho.
Reusens fez a imagem no jardim de sua casa, em Madri, na Espanha. O fotógrafo de 36 anos usou lentes macro para capturar imagens ampliadas do inseto.
'Precisei de cerca de oito minutos para conseguir esta foto, as condições estavam perfeitas e eu tinha que capturar (a imagem) bem ali e naquele momento', afirmou o fotógrafo.
Reusens conta que a mosca parecia quase congelada sob o orvalho, 'mas, depois que o orvalho evaporou, ela parecia bem e saiu zunindo sem problemas'.

sexta-feira, 22 de junho de 2012


AURORA BOREAL
video

quinta-feira, 21 de junho de 2012

PLACAS TECTÔNICAS
video

quarta-feira, 20 de junho de 2012


Torre japonesa tem 634 metros


A Sky Tree é a segunda maior torre estrutura já criada pelo homem. Só perde para o Burj Khalifa, o maior arranha-céu, que fica em Dubai. A torre japonesa é quase duas vezes maior do que a Torre Eiffel, em Paris, e quase 16 vezes o tamanho do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro.
Criada para bater recordes, ela está a caminho de se tornar o monumento mais visitado do planeta. Somente nas primeiras duas semanas, mais de um milhão de pessoas subiram na torre ou visitaram as outras atrações do complexo, como o aquário.
Para comemorar o feito, os restaurantes em volta da torre preparam cardápios especiais. Tem até hambúrguer em forma de torre.

terça-feira, 19 de junho de 2012




O Grupo dos 20 (ou G20) é um grupo formado pelos ministros de finanças e chefes dos bancos centrais das 19 maiores economias do mundo mais a União Europeia. Foi criado em 1999, após as sucessivas crises financeiras da década de 1990. Visa favorecer a negociação internacional, integrando o princípio de um diálogo ampliado, levando em conta o peso econômico crescente de alguns países, que,juntos, representam 90% do PIB mundial, 80% do comércio mundial (incluindo o comércio intra-UE) e dois terços da população mundial. O peso econômico e a representatividade do G-20 conferem-lhe significativa influência sobre a gestão do sistema financeiro e da economia global.
O G-20 estuda, analisa e promove a discussão entre os países mais ricos e os emergentes sobre questões políticas relacionadas com a promoção da estabilidade financeira internacional e encaminha as questões que estão além das responsabilidades individual de qualquer organização.
Com o crescimento da importância do G-20 a partir da reunião de 2008, em Washington, e diante da crise econômica mundial, os líderes participantes anunciaram, em 25 de setembro de 2009, que o G-20 seria o novo conselho internacional permanente de cooperação econômica, eclipsando o G8, constituído pelas oito economias mais ricas.
Caixa do FMI está mais rico com dinheiro dos ‘menos ricos’

O caixa do Fundo Monetário está mais forte com os US$ 456 bilhões arrecadados dos países do G20. A contribuição mais inusitada veio dos Brics, o Brasil sendo o “B” da sigla, composta ainda por Rússia, Índia, China e África do Sul. Juntos, eles contribuíram com U$ 83 bilhões.
No ranking das maiores economias do mundo em 2011, o Brasil conseguiu ultrapassar a Inglaterra, chegando ao sexto lugar. China é a segunda, Rússia a nona e Índia tem o décimo maior PIB do planeta.
O interessante da ajuda que o FMI recebe agora dos emergentes está, não só na demonstração de estabilidade econômica dos Brics, mas na revelação da fragilidade institucional, social e financeira dos “mais ricos”, principalmente os países da Europa.
Pelo Índice de Desenvolvimento Humano da ONU de 2011, ainda somos devedores, não da banca internacional, mas da sociedade brasileira. Mesmo tendo melhorado nos últimos anos ocupamos o 84o lugar. Rússia está melhor, na 66a posição. A China, pior que nós, em 101o lugar; e a Índia no 134o lugar do IDH.
Emocionalmente, ver o caixa do FMI reforçado pelo dinheiro dos Brics para salvar os países europeus, pode sim estufar o peito dos brasileiros. Mas que seja rápido e não ofusque a visão sobre as outras estatísticas que ainda nos mantém distantes de uma realidade superior.

SIGA E DIVULGUE ESSA IDÉIA.
O MEIO AMBIENTE AGRADECE!

http://xixinobanho.org.br/

segunda-feira, 18 de junho de 2012

FIQUE POR DENTRO


RIO + 20


ONU: documento da Rio+20 deverá
ficar pronto nesta segunda-feira.



O diretor da divisão de Desenvolvimento Sustentável da ONU (Organização das Nações Unidas), Nikhil Seth, informou que o documento final que será entregue aos chefes de Estado deverá ficar pronto até o fim desta segunda-feira (18). Segundo ele, os grandes impasses do texto, como os itens PNUMA (Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente) e meios de implementação (financiamento, capacitação e transferência de tecnologia verde), já foram resolvidos entre os grupos de negociadores da Rio+20 (Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável).
— Não há consideração para a possibilidade de falta de acordo. Temos a experiência ao longo da história da ONU (Organização das Nações Unidas) de que os acordos são alcançados mais para o final. Quando as grandes questões são resolvidas, fica mais fácil resolver as menores.
Seth disse ainda que todos os negociadores estão satisfeitos com o texto e que isso tem refletido um sentimento otimista entre os países.
— Todos estão satisfeitos. O fato de termos um texto que nos dá uma direção, já é uma boa. O otimismo era cauteloso no início, mas agora está mais fortalecido.
Seth afirmou também que a ONU confia que o documento final irá trazer aspectos importantes para todos.
— Acreditamos que o texto vai representar várias áreas que vão abordar aspectos importantes para o desenvolvimento sustentável. Esperamos chegar a um texto bom para todos.

http://noticias.r7.com/rio-de-janeiro/noticias/onu-descarta-falta-de-acordo-no-documento-final-da-rio-20-20120618.html

domingo, 6 de maio de 2012

OS BOLAS CHEIAS DA I UNIDADE

5ª A - 9.6   ERASMO CARLOS SILVA COSTA
5ª A - 9.6   REBECA DE JESUS CARDOSO
7ª D -  8.1  ERIC DE JESUS SILVA
7ª D - 8.1   LARISSA EDUARDA DORIA RIOS
7ª E - 7.7   YASMIN SALES SANTANA
7ª F - 8.7   ADSON GABRIEL SOUSA COSTA OLIVEIRA
7ª F - 8.7   BIANCA SANTOS COSTA
7ª G - 8.4  LAÍS GOMES DOS SANTOS
8ª B - 8.5   REBECA SANTOS DE OLIVEIRA
8ª C - 9.7   ANA CAROLINE DOS SANTOS
8ª C - 9.7   BRENDA ROCHA ADORNO
8ª D - 8.2   MARIMAR OLIVEIRA DA SILVA SANTOS
8ª E - 9.0   VICTOR ALBERTO CONCEIÇÃO DE JESUS COSTA
8ª F - 8.6    MATEUS SANTOS PEREIRA

sábado, 24 de março de 2012

TRABALHO EM DUPLA - GEOGRAFIA DA CIDADE DO SALVADOR

ROTEIRO:

1. FUNDAÇÃO:
2. GENTÍLICO:
3. POPULAÇÃO (CENSO 2010):
4. ÁREA:
5. ALTITUDE:
6. PIB:
7. IDH:
8. PRINCIPAIS ATIVIDADES ECONÔMICAS:
9. PONTOS TURÍSTICOS:
10. CLIMA:
11. VEGETAÇÃO:
12. MUNICÍPIOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR:
13. RIOS QUE ABASTECEM A CIDADE:
14. PROBLEMAS ATUAIS:

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

DE VOLTA ÀS AULAS


“Escola é, sobretudo, gente,
gente que trabalha, que estuda,
que se alegra, se conhece, se estima.
A escola será cada vez melhor
na medida em que cada um
se comporte como colega, amigo, irmão.
Importante na escola não é só estudar, não é só trabalhar,
é também criar laços de amizade,
é criar ambiente de camaradagem,
é conviver, é se 'amarrar nela'!”
PAULO FREIRE