segunda-feira, 12 de abril de 2010

OS BLOCOS ECONÔMICOS

Os blocos econômicos são associações de países que se unem com o objetivo de ampliar as trocas comerciais entre si e com outros mercados.
CARACTERÍSTICAS DOS BLOCOS ECONÔMICOS
1. ZONA DE LIVRE COMÉRCIO: estabelece o livre comércio de mercadorias e investimentos entre os países-membros e a gradual eliminação das taxas de importação e tarifas alfandegárias.
2. UNIÃO ADUANEIRA: o objetivo desse tipo de associação é criar uma zona de livre comércio com adoção de uma tarifa externa e uma política comercial comum aos países membros, para comércio com outros países.
3. MERCADO COMUM: além da livre circulação de mercadorias, serviços, mão-de-obra e capitais, o mercado comum abrange as leis industriais, financeiras, ambientais e educacionais.
OS PRINCIPAIS BLOCOS ECONÔMICOS
1. UNIÃO EUROPÉIA: é o mais antigo e bem sucedido bloco econômico do planeta. Em 1992, foi fundada a União Européia, um mercado comum, sem barreiras comerciais e com livre circulação de mercadorias, pessoas, serviços e capitais. Desde 2003, em 12 dos 25 países da União Européia circula uma única moeda, o euro, que representa a união econômica e monetária desses países.
2. MERCOSUL: Mercado Comum do Sul é o bloco econômico mais importante da América Latina. Em 26 de março de 1991 Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai assinaram o Tratado de Assunção, que formalizou o Mercosul. A partir de 1996 Chile e Bolívia se incorporaram ao Mercosul na qualidade de países associados, ou seja, participam da zona de livre comércio, mas não da união aduaneira. Não são, portanto, sócios plenos. Em 2004, o Peru solicitou seu ingresso no bloco como país associado. Em 2005 a Venezuela foi admitida como sócio pleno do bloco.
3. NAFTA: Acordo de Livre Comércio da América do Norte (em inglês North American Free Trade Agreement), entrou em vigor em 1994. É constituído por Canadá, Estados Unidos e México e, como o próprio nome diz, é uma zona de livre comércio que prevê a eliminação gradual, até 2020, das barreiras comerciais entre os países-membros. Esse bloco econômico surgiu da necessidade de os Estados Unidos enfrentarem a concorrência econômica da União Européia.
4. APEC: Cooperação Econômica da Ásia e do pacífico foi criada em 1989 com o objetivo de estabelecer uma zona de livre comércio entre todos os seus integrantes, até 2020. A Apec é formada por países localizados na Ásia e/ou banhados pelo pacífico. Conta com a presença de dois dos maiores centros de poder (Japão e Estados Unidos) e da China.
OUTRAS ASSOCIAÇÕES
1. SADC: Comunidade para o Desenvolvimento da África Meridional, criada oficialmente em 1992. Pretende formar um mercado comum e cooperar para a estabilidade política e econômica da região. Países-membros: África do Sul, Angola, Botsuana, Moçambique, Namíbia e Zimbábue.
2. ASEAN: Associação das Nações do Sudeste Asiático que surgiu em 1967 para assegurar o desenvolvimento econômico da região. A eliminação de barreiras alfandegárias ocorre de forma gradual. Países-membros: Brunei, Camboja, Indonésia, Laos, Malásia, Mianmar, Filipinas, Cingapura, Tailândia, Vietnã.
3. PACTO ANDINO: Formou-se em 1969 com o objetivo de aumentar a integração econômica entre os países-membros.
Países-membros: Bolívia, Colômbia, Equador, Peru e Venezuela.

Um comentário:

Larissa disse...

Oi pessoal ,oi professora,iai gostou do nosso trabalho dos Blocos Econômicos do NAFTA?Espero que sim